segunda-feira, 7 de julho de 2008

Sobre um perfil.


Revelo-me através do que escrevo. As características que coloco em personagens que faço, são de total forma gostos que gostaria de encontrar em uma garota, como no caso das personagens do conto que escrevo. O texto sobre as qualidades de Adolf, de certa forma demonstra o que penso sobre ele e o quão admiro estas atitudes que teve e que por hora delatei. Já não tenho idéias do que escrever sobre o que penso ou alguma vez pensei. Sobre o que sinto, ou já senti. Sobre o que fui, ou o que sou hoje. Um perfil pode ser traçado sobre tudo que já falei, mas, por favor, não coloquem a parte amorosa neste perfil. Pois este realmente não sou eu.

Gosto muito de pensar que sou chato. Saber que por isso perco muitas falsas amizades, ou que por minha dita falta de escrúpulos acabo por ofender pessoas que muitos gostariam de também fazer, mas que por respeito acabam deixando passar.

-“Uma brincadeira tem sempre um fundo de verdade”-, é minha frase favorita e sempre acabo por fazê-la valer.

Matheus.

3 comentários:

  1. Faço o mesmo que tu, crio os textos e coloco as características que queria ver em alguém, ou algo que lembre alguém que eu conheço e que não muita gente tenha notado. ;P
    adorei esse texto :D

    [i]-“Uma brincadeira tem sempre um fundo de verdade”-, é minha frase favorita e sempre acabo por fazê-la valer.[/i] mtt tri :)

    ResponderExcluir
  2. aff. [i]-“Uma brincadeira tem sempre um fundo de verdade”-, é minha frase favorita e sempre acabo por fazê-la valer.[/i] mtt tri :)*

    ResponderExcluir
  3. Disse pra não pôr a tua parte amorosa aqui, mas certamente tbm faz parte de ti!!!

    “Uma brincadeira tem sempre um fundo de verdade” Bã, com certeza!

    ResponderExcluir